16
Gratidão

Sou grato pelo pão
Pelo arroz com o feijão
Pelos raios de sol tocando o rosto
Ou pelas gotas da chuva sobre meus cabelos
Pelo olhar seguido de um sorriso
Ou pelas lágrimas seguidas de um abraço
Parecem coisas tão pequenas
Coisas do dia a dia
Que quando sentidas de coração aberto
Trazem uma sensação boa
Olhar para as pessoas,
Olhar para o céu e dizer obrigada.

Outras Poesias

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais sobre o uso de cookies, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa política.