43
Peça de Teatro

Minha vida é uma peça de teatro, com direito a plateia e figurinos
Minhas peças, são criadas pela sociedade
Que dita como devo me vestir, comportar, sorrir, chorar
Os diretores são meus pais, os quais cobram o melhor
Que não permitem erros
Que ditam o tempo do meu crescimento
E esperam que as expectativas deles,
Sejam cumpridas por mim
A cortina se fecha na parte da noite,
Quando então, sozinha, me perguntou
Quem eu sou? O que me move? O que me dá medo? O que eu realmente pretendo?
Na escuridão, os pensamentos vêm à tona,
Negativos ou positivos, me parece certo que eles ditem o caminho de um dia ou de uma vida
Entendo então, que os erros, os quais apesar de temidos, fazem parte
Que eles são responsáveis pelo nosso crescimento,
Aprendizado,
e, finalmente, entendo
A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios.

Outras Poesias

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais sobre o uso de cookies, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa política.